PT Source phrase
Translation EN

examples

  • Quando terminaram o café, Johnny disse a ela que iria trabalhar aquela noite, dar alguns telefonemas e traçar planos para o futuro.
  • — Vamos até Hogsmeade — sugeriu Harry —, e tentamos traçar um plano assim que virmos qual a protecção em torno da escola.
  • Quando Tam começou a traçar um ângulo em direção ao leste, Gaul e as duas Donzelas acompanharam o grupo.
  • Mas ele queria ficar na casa dela a fim de ter tempo para pensar nas coisas e poder traçar seus planos.
  • O legista informa que é possível traçar a origem do cianureto, já que ele deixa uma “assinatura”, mas que isso levará mais do que dez minutos — talvez uma semana.
  • — Quando você conseguir o prêmio — retrucou Hagen secamente — comece a traçar planos para produzir três filmes por sua própria conta.
  • Eles também devem tergravado o diálogo com o director de serviço, disse a hierarquia, Nãoimporta, qualquer poderia simular uma conversação ao telefone, paraisso bastavam duas vozes e um gravador, o que contava, aqui, eradestruir a nossa fita, queimado o original ficaram de antemãoqueimadas todas as cópias que a partir dele se poderiam vir a fazer,Não necessita que lhe diga que a operadora telefónica conserva osregistos, Providenciaremos para que esses desapareçam também, simsenhor, agora, se me permite, retiro-me, deixo-o a pensar no assunto, Jáestá pensado, não se vá embora, Realmente não me surpreende, osenhor ministro goza do privilégio de ter um pensamento agilíssimo, oque acaba de dizer seria uma lisonja se não fosse realidade, é verdade,penso com rapidez, Vai aceitar a proposta, Vou fazer uma contra-proposta, Temo que eles não a aceitem, os termos em que o emissáriofalou, além de peremptórios, eram mais do que ameaçadores, haveránovos vigilantes em coma se a resposta não vier a ser a que esperamos,45estas foram as palavras, Meu caro, a resposta que vamos dar-lhes éprecisamente a que esperam, Não compreendo, Meu caro, o seuproblema, digo-o sem ânimo de ofender, é não ser capaz de pensarcomo um ministro, Culpa minha, lamento, Não lamente, se alguma vezo chamarem a servir o país em funções ministeriais perceberá que océrebro lhe dará uma volta no preciso momento em que se sentar numacadeira como esta, nem imagina a diferença, Também não ganharianada em criar fantasias, sou um funcionário, Conhece o ditado antigo,nunca digas desta água não beberei, Agora mesmo tem aí o senhorministro uma água bastante amarga para beber, disse a hierarquiaapontando os restos da fita queimada, Quando se segue uma estratégiabem definida e se conhecem com suficiência os dados da questão, não édifícil traçar uma linha de acção segura, sou todo ouvidos, senhorministro, Depois de amanhã, o seu director de serviço, uma vez queserá ele quem irá responder ao emissário, é ele o negociador por partedo ministério, e ninguém mais, dirá que concordámos em examinar aproposta que nos fizeram, mas imediatamente adiantará que a opiniãopública e a oposição ao governo jamais permitiriam que esses milharesde vigilantes fossem retirados da sua missão sem uma explicaçãoaceitável, E está claro que a explicação aceitável não poderia ser que amáphia passou a tomar conta do negócio, Assim é, embora o mesmopudesse ter sido dito em termos mais escolhidos, Desculpe, senhorministro, saiu-me sem pensar, Bem, chegados a este ponto, o director deserviço apresentará a contraproposta, a que também poderemos chamarsugestão alternativa, isto é, os vigilantes não serão retirados, permane-cerão nos lugares onde agora se encontram, mas desactivados,Desactivados, sim, creio que a palavra é bastante clara, sem dúvida,senhor ministro, apenas manifestei a minha surpresa, Não vejo de quê,46é a única maneira que temos de não parecer que cedemos à chantagemdesse bando de patifes, Ainda que em realidade tenhamos cedido, oimportante é que não pareça, que mantenhamos a fachada, o queacontecer por trás dela já não será da nossa responsabilidade, Porexemplo, Imaginemos que interceptamos agora um transporte e pren-demos os tipos, não é preciso dizer que esses riscos já estavam incluídosna factura que os parentes tiveram de pagar, Não haverá factura nemrecibo, a máphia não paga impostos, É uma maneira de falar, o queinteressa neste caso é o facto de que todos acabaremos ganhando, nós,que nos tiramos um peso de cima, os vigilantes, que não voltarão a serlesados na sua integridade física, as famílias, que descansarão sabendoque os seus mortos-vivos se converteram finalmente em vivos-mortos, ea máphia, que cobrará pelo trabalho, um arranjo perfeito, senhorministro, Que aliás conta com a fortíssima garantia de que ninguémestará interessado em abrir a boca, Creio que tem razão, Talvez, meucaro, o seu ministro lhe esteja parecendo demasiado cínico, De modoalgum, senhor ministro, só admiro a rapidez com que conseguiu pôrtudo isso de pé, tão firme, tão lógico, tão coerente, A experiência, meucaro, a experiência, Vou falar com o director de serviço, transmitir-lheas suas instruções, estou convencido de que dará boa conta do recado,tal como eu tinha dito antes, nunca me deu a menor razão de queixa,Nem a maior, creio, Nem nenhumas destas nem nenhumas daquelas,respondeu a hierarquia, que tinha compreendido enfim a finura dojocoso toque.
  • Apesar disso, Coine não reduzia a velocidade do Bailador, nem hesitava em traçar o caminho.
  • Aquele cabelo curto e loiro, sua estatura média, dentes branquíssimos, ele exalava um cheiro maravilhosamente WASP, o tipo de cheiro que seria de se esperar de um homem que podia traçar sua genealogia até os porões do Mayflower*.
  • A maioria deles tinha linhagem britânica e demonstrava grande orgulho em traçar sua genealogia até os tempos do Mayflower**.
  • Uma vez a garça, para traçar seu caminho.

barricata orgullosamente opcional phacochere abur stearinlys pabrik sujeto sveske cornear