PT Source phrase
Translation EN

examples

  • Tinha ódio a todos os privilégios e distinções sociais, e é escusado dizer que era liberal, republicano e quase socialista.
  • Mal se apercebendo do intenso ardor na cicatriz, também ele começou a correr à volta da cave, tacteando as paredes à procura sabia-se lá do quê, consciente no seu íntimo de que era escusado.
  • Deus fez, compassado, um gesto afirmativo com a cabeça e disse, Sim, és meu filho, Como pode um homem ser filho de Deus, Se és filho de Deus, não és um homem, Sou um homem, vivo, como, durmo, amo como um homem, portanto sou um homem e como homem morrerei, No teu lugar, não estaria tão certo disso, Que queres dizer, Essa é a segunda questão, mas temos tempo, que respondeste tu ao Diabo que disse que eras meu filho, A esse respeito nada, fiquei à espera do dia em que te encontrasse, e a ele expulsei-o do possesso que andava atormentando, chamava-se Legião e era muitos, Onde estão agora, Não sei, Disseste que os expulsaste, Com certeza sabes melhor do que eu que, quando se expulsam diabos de um corpo, não se sabe para onde vão, E por que hei-de eu saber dos assuntos do Diabo, Sendo Deus, tens de saber tudo, Até um certo ponto, só até um certo ponto, Que ponto, O ponto em que começa a ser interessante fazer de conta que ignoro, Pelo menos saberás 125José Saramago – O Evangelho segundo Jesus Cristocomo e porquê sou teu filho e para quê, Observo que estás muito mais despachado de espírito, e mesmo um tanto impertinente, considerando a situação, do que quando te vi pela primeira vez, Era um rapaz assustado, agora sou um homem, Não tens medo, Não, Tê-lo-ás, descansa, o medo chega sempre, até a um filho de Deus, Tens outros, Outros, quê, Filhos, Só precisava de um, E eu, como vim eu a ser teu filho, Tua mãe não to disse, Minha mãe sabe, Enviei-lhe um anjo a explicar-lhe como as coisas se tinham passado, pensei que to tivesse contado, E quando esteve esse anjo com minha mãe, Deixa-me ver, se não erro muito os cálculos, foi depois de teres saído de casa pela segunda vez e antes de fazeres aquela do vinho em Caná, Então, minha mãe soube e não mo disse, contei-lhe que te vi no deserto e não acreditou, mas tinha de acreditar depois de aparecer-lhe o anjo, e não o quis reconhecer perante mim, Deves saber como são as mulheres, vives com uma, que eu sei, têm lá uns melindres, uns escrúpulos, que só elas, Que melindres, que escrúpulos, Bem vês, eu tinha misturado a minha semente na semente de teu pai antes de seres concebido, era a maneira mais fácil, a que menos dava nas vistas, E estando as sementes misturadas, como podes estar certo de que sou teu filho, Éverdade que nestes assuntos, em geral, não é prudente mostrar certeza, ainda menos absoluta, mas eu tenho-a, de alguma coisa me serve ser Deus, E por que foi que quiseste ter um filho, Como não tinha nenhum no céu, tive de arranjá-lo na terra, não é original, até em religiões com deuses e deusas que podiam fazer filhos uns com os outros, tem-se visto vir um deles à terra, para variar, suponho, de caminho melhorando um pouco uma parte do género humano pela criação de heróis e outros fenómenos, E este filho que sou, para que o quiseste, Por gosto de variar, não foi, escusado seria dizê-lo, Então porquê, Porque estava precisado de quem me ajudasse aqui na terra, Como Deus que és, não devias precisar de ajudas, Essa é a segunda questão.
  • Enquanto cearam, Maria de 105José Saramago – O Evangelho segundo Jesus CristoMagdala não fez perguntas, quis apenas saber, e isso, escusado seria dizê-lo, não era perguntar, se lhe correra bem a viagem, se tivera maus encontros no caminho, trivialidades, coisas assim.
  • Emterceiro lugar, graças a que toda a espera tem seu fim, feliz ou infeliz eleseja, a resposta que acabou por ser comunicada ao governo peladirecção nacional maphiosa, via director de serviço e hierarquia,dividia-se em dois pontos, a saber, ponto a, o numerus clausus não seria49de vinte e cinco por cento, mas de trinta e cinco, ponto b, sempre que oconsiderasse conveniente para os seus interesses, e sem necessidade deprévia consulta às autoridades e menos ainda consentimento, aorganização exigia que lhe fosse reconhecido o direito de transferirvigilantes ao seu próprio serviço para lugares onde se encontrassemvigilantes desactivados, sendo escusado dizer que aqueles iriam ocuparos lugares destes.
  • — É escusado, é escusado!
  • O barão Redier já se tinha escusado perante os hóspedes e recolhido aos seus aposentos.
  • Que as pessoas daquinão estejam a morrer, mas todos os outros seres vivos sim, diziamalguns objectores, só há que vê-lo como demonstração de que o normalainda não se retirou de todo do mundo, e o normal, escusado seria dizê-lo, é, pura e simplesmente, morrer quando nos chegou a hora.
  • Em conseqüência de uma infinidade de circunstâncias, que é escusado agora explicar-te, a minha fortuna está ameaçada de levar um baque horrendo, do qual não sei se me será possível levantá-la sem auxilio estranho.
  • É escusado contarvos o resto desde então, se bem que com algum acanhamento foi-me franqueado o umbral da gruta misteriosa.
  • Levou fora as tigelas para as lavar, porém não, escusado seria dizê-lo, a que tinha servido ao mendigo.

aletico descargue tenebros tia immolarsi logorrea gorjear curcuma skleroza vislumbre